Governo quer cancelar recesso legislativo para votar programa social

Governo quer cancelar recesso legislativo para votar programa social

Governo quer cancelar recesso legislativo para votar programa social

Governo quer cancelar recesso legislativo para votar programa social

A base do governo no Congresso negocia com os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), a suspensão do recesso legislativo de janeiro de 2021. O tempo a mais de trabalho dos congressistas seria usado para garantir a aprovação de um novo programa social que vai expandir o Bolsa Família e que deve ser chamado de Renda Cidadã.

A prorrogação dos trabalhos legislativos também seria usada para avançar em reformas econômicas que abrem espaço fiscal para a criação do programa social, como as propostas de emenda à Constituição (PECs) que acionam gatilhos para reduzir as despesas obrigatórias com a máquina pública e a reforma tributária.

 

O líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), confirmou ao Congresso em Foco que a negociação está em andamento. “Estamos trabalhando nisso”, disse.

Barros reconhece que o assunto não é unanimidade entre seus colegas e que muitos preferem não estar em Brasília em janeiro. “Na verdade os parlamentares querem estar nas suas bases”.

No entanto, o líder governista acredita que possa haver um acordo. “Após as eleições e com a votação remota podemos avançar”, declarou.

O presidente nacional do MDB e líder da sigla na Câmara, Baleia Rossi (SP), afirmou que desconhece a possibilidade de suspender o próximo recesso legislativo. “Não escutei isso, não. Mas acho que até dezembro dá pra resolver [a votação do novo programa social]”, declarou ao site.

Brasília – Sessão do Senado, conduzida pelo presidente do STF, Ricardo Lewandowski, para decidir se a presidenta Dilma Rousseff será julgada por crime de responsabilidade (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

 

fonte:https://congressoemfoco.uol.com.br/

Share This:

UvBrasil


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Themetf